Dilma anuncia repasse de recursos para melhoria no transporte de São Paulo

25 de outubro de 2013

Política



Dilma anuncia repasse de recursos para melhoria no transporte de São Paulo
http://agenciabrasil.ebc.com.br/noticia/2013-10-25/dilma-anuncia-repasse-de-recursos-para-melhoria-no-transporte-de-sao-paulo
Oct 25th 2013, 15:00

Marli Moreira

Repórter da Agência Brasil
São Paulo – O estado de São Paulo vai receber mais R$ 5,4 bilhões do governo federal em forma de repasse por meio do PAC da Mobilidade Urbana para obras de extensão e melhoria do setor.
O anúncio foi feito hoje (25) pela presidenta Dilma Rousseff, no Palácio dos Bandeirantes, sede do governo paulista. Segundo ela, com esses recursos, os repasses para o setor no estado somam R$ 21 bilhões.
A presidenta informou que, em todo o país, serão alocados R$ 140 bilhões para as principais metrópoles. O próximo montante será anunciado terça-feira (29) em Curitiba. O financiamento terá as parcelas diluídas em 30 anos, com cinco de carência e taxas subsidiadas pelo Tesouro nacional.
Dilma enfatizou que o interesse dos cidadãos está acima das diferenças político-partidárias. "Sem esse tipo de financiamento não sai obra de longo prazo no Brasil ", ressaltou a presidenta, em referência à parceria com o governo de São Paulo, que inclui, a fundo perdido, R$ 1,3 bilhão do Orçamento Geral da União.
"Não podemos deixar que se associem a essa imagem as imagens das dificuldades de trânsito, dos grandes congestionamentos, nem podemos aceitar que os habitantes deste Brasil dinâmico tenham perda de tempo em suas vidas, devido ao fato de gastarem esse tempo de forma indevida no transporte de casa para o trabalho, de casa para os estudos e do trabalho e desses estudos de volta para a casa", disse ela.
Dilma defendeu a união das três esferas de governo – União, estados e municípios – para acabar com "um déficit histórico do Brasil". A presidenta lembrou que, nos anos 80 e 90 do século passado, era inadequado tocar obras desse porte, já que o Brasil vivia momentos difíceis. Ela recordou a alegria que lhe foi transmitida por um funcionário público em 2005, quando comemorava a aplicação de R$ 500 milhões na área de saneamento em todo o Brasil.
"Naquela época, tínhamos de pedir autorização para o Fundo Monetário [Internacional (FMI)]", enfatizou a presidenta. Dirigindo-se ao governador Geraldo Alckmin, a presidenta afirmou: "Por isso foi tão bom, governador termos pagado a dívida com o Fundo Monetário, que não supervisiona mais as nossas contas", disse ela, sob aplausos de parlamentares e prefeitos convidados para a cerimônia.
A presidenta ressaltou que investir em metrô é essencial nas cidades porque "garante um transporte sem interrupção do trânsito, com capacidade de escoamento absolutamente diferenciada, rápida, eficiente e segura". Para ela, o metrô é o grande eixo de integração de modais em qualquer sistema de transporte para as grandes cidades.
"Esses investimentos fazem parte de um processo de amadurecimento do país no sentido de abandonar o complexo de vira-lata", disse Dilma, usando a expressão criada pelo dramaturgo Nelson Rodrigues, originalmente em referência à derrota da seleção brasileira na Copa do Mundo de 1950 e ao pessimismo que cercou a equipe no Mundial de 1970, no qual foi campeã.



Presente à solenidade, o prefeito Fernando Haddad informou que pretende ampliar os corredores exclusivos de ônibus para 300 quilômetros até o final do ano.A iniciativa foi elogiada pelo governador Geraldo Alckmin.
Sobre o repasse dos recursos federais ao estado, Alckmin disse que "é uma boa parceria e fortalece a democracia".
De acordo com informações do governo do estado, desse repasse, R$ 4,06 bilhões são referentes a financiamentos – R$ 1,5 bilhão oriundos de desembolso do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) e R$ 2,560 bilhões de fonte ainda a ser definida. Do Orçamento Geral da União (OGU), virão mais R$ 1,34 bilhão a fundo perdido.
Entre as melhorias previstas, está a construção de mais 30 quilômetros de trilhos, incluindo nova linha de trem metropolitano e a primeira ligação a um aeroporto internacional. Trata-se da implantação das obras da Linha 13 Jade, na ligação da cidade de São Paulo com o Aeroporto Internacional de Cumbica, em Guarulhos. Este ramal terá 12 quilômetros de extensão, saindo da Estação Engenheiro Goulart, na Linha 12 Safira, da CPTM, em direção a Guarulhos, somando um total de R$ 2,1 bilhões de investimentos.



Na Linha 9 Esmeralda da CPTM, de Grajaú, serão inseridos mais 4,5 quilômetros de extensão, até Varginha, bem no extremo sul da cidade. Já no metrô, a Linha 2, que liga a Vila Prudente à Vila Madalena, haverá um aumento de 14,4 quilômetros no ramal com 13 novas estações até a Via Dutra, na altura de Guarulhos.
Edição: Nádia Franco
Todo o conteúdo deste site está publicado sob a Licença Creative Commons Atribuição 3.0 Brasil. Para reproduzir as matérias é necessário apenas dar crédito à Agência Brasil



You are receiving this email because you subscribed to this feed at https://blogtrottr.com

If you no longer wish to receive these emails, you can unsubscribe here:
https://blogtrottr.com/unsubscribe/kdt/7qh3fv

Espalhe:

Comentário(s)



Explore o MAXX

Notícias
Nacional

Internacional
Finanças
Política
Justiça
Segundo Caderno
Esportes


Educação
Inovação

Serviços
Barra de Ferramentas

Buscador
Previsão do Tempo
Tradutor
Viagens

Entretenimento
Cultura

Famosos
MAXX FM
Música
Sobre Rodas
Stations (Busca Rádios)

Estilo de vida
Homem

Mulher

Chat
Amizade

Encontros
Livre
Paquera
Sexo (+ 18 anos)
Webmasters
Outras salas

Fale conosco
Atendimento Virtual
Avalie-nos
E-mail

Fone Fácil
Fórum
Reclame Aqui
Redes Sociais

Copyright 2008 - 2016 © MAXX Internet - Todos os direitos reservados.
"O uso desse website significa que você aceita os Termos de Uso e a Política de Privacidade, em especial no que tange ao uso de cookies."

Informações Importantes | Política de Privacidade | Termos de Uso

Vá para o portal